"A vitória brilhará àquele que tímido ouse". Agostinho da Silva
Segunda-feira, 23 de Junho de 2008
É assim que se combate o insucesso escolar?

Exame de matemática A mais fácil do que o do ano passado.



publicado por Margarida Balseiro Lopes às 20:16
link do post | comentar | favorito

5 comentários:
De p.alex.teixeira a 23 de Junho de 2008 às 20:47
O Ministério da Educação tem que apresentar resultados... se voltasse a fazer de novo o 12º, apostaria que passaria no exame, queres ver?


De Tânia Martins a 23 de Junho de 2008 às 22:52
Claro que se combate, os número serão muito positivos. Pena é que a qualidade não acompanhe esses números!

O futuro promete!


De antónio santos teixeira a 24 de Junho de 2008 às 11:59
Esse argumento enquanto argumento único é falacioso. É normal que a dificuldade dos exames varie pois nao pode ser milimetricamente pesada e garantida. Um bom argumento seria: Exames de matemática A têm sido progressivamente mais faceis desde que o PS é governo. Aí sim podiam estar orgulhosos.
Beijinhos.


De Margarida Balseiro Lopes a 24 de Junho de 2008 às 12:31
António,

Tens toda a razão, os exames têm sido progressivamente mais fáceis, nestes três últimos anos. E é uma forma que a ministra encontrou para escamotear os desastrosos resultados do insucesso escolar. Atenção que não lhe atribuo culpas do insucesso escolar: o sistema de ensino é que precisa de uma grande reforma. Mas não com uma mera operação de cosmética, facilitismo, e falta de exigência. Paradigmático é o fim de provas de ingresso como a Filosofia, o Estatuto do Aluno e outras coisas que tais. Numa linguagem mais "fdliana", esta ministra se fizesse exame não teria nota sequer para ir a oral.


De Maria Inês a 24 de Junho de 2008 às 12:32
Há sempre alunos que saem do exame e dizem que é fácil. Alguns porque não têm noção, outros porque estudaram o suficiente para chegar a essa conclusão com alguma propriedade. Estranho é que TODOS os alunos que a Comunicação Social entrevistou à saída do exame tenham classificado o mesmo de não de fácil mas de... muito fácil. Muito menos se esse exame for Matemática. O monstro da Matemática.
Talvez o Ministério esteja a trabalhar para a Estatística. Talvez a Comunicação Social só tenha incluído na reportagem os meninos que acharam o exame bem fácil, para passar uma imagem negativa do trabalho governamental na área (eu cada vez acredito mais em conspirações arquitectadas pela Comunicação Social nos dias de hoje).
Seja o que for, parece-me óbvio uma coisa. A qualidade é menor do que no tempo dos que agora acabam o curso (e possivelmente já na altura era menor do que no tempo dos nossos pais e irmãos mais velhos)... e estes meninos vão levar um valente abanão quando chegarem às Faculdades ou ao Mercado de Trabalho.


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Consenso dos géneros

Ainda o tema da praxe

“A César o que é de César...

Reforma, do quê?!

Globalização

A Cacatua Verde

Direito a envelhecer com ...

A Música dos Deolinda

Coisas da infância

Poemas da minha vida (II)

Poemas da minha vida (I)

Moleskine

Natal

A fenomenal Mariza a marc...

A minha intervenção - 25 ...

arquivos

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Fevereiro 2012

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

tags

todas as tags

links
blogs SAPO
subscrever feeds